07 março, 2014

 








 
 


agora é isso |
virou eco de assobio no portão |
esqueci seu rosto |
muito menos quero sua mão | 
aprendi a me despedir | 
e você a me libertar .



Graffiti: " Axexê" | MAAU 2014 | av cruzeiro do sul | são paulo | Brasil 
Expo: Exposição "COM POS TO", galeria Verve | São Paulo | Brasil | 2014



06 janeiro, 2014
























"o começo de mim tinha gosto de sangue doce.
em breve meu fim vestirá pedaços de nostalgia."



graffiti: rua pascoal vita | São Paulo | SP | Brasil | 2013

27 novembro, 2013






   





Enterrei você da cintura pra baixo.
ele consegue separar amor e paixão.

ignore meu ar de boa moça.
te olhei dos pés à cabeça.

Fica o dia inteiro medindo momentos raros.
seu desejo contando trocados,
do outro feliz se não se sabe.

respeito de nada vale 
se em bolso furado guardado.

te vejo em madrugada longa.
em fim de sonho suado.

melhor deixar assim...cobrir com panos quentes.


graffiti: "o luar do ser tão só, azulejou no meu deserto", são paulo | brasil | 2013
canvas: "sereiô", técnica mista s/ canvas | 1m 20cm x 75 cm | 2013